Marcos Antonio Gospel

Loading...

terça-feira, 1 de março de 2011

BISPO MACEDO DECLARA EM PREGAÇÃO QUE BEBE CERVEJA

Em uma pregação no dia 30 de janeiro o bispo Edir Macedo, líder da Igreja Universal e dono da Rede Record, afirmou que bebe cerveja e vinho. O tema da pregação era fé e religiosidade e o bispo afirmou que a religião proíbe as pessoas de várias coisas, mas a fé deixa-as livre. Ao comentar que bebe cerveja disse que tinha a consciência livre. Porém essa afirmação não agradou aos fiéis, pois a Universal tem um histórico de proibições às bebidas alcoólicas. O áudio do culto foi apagado do site oficial da denominação.
Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
Em decorrência desse fato o obreiro da Igreja Universal Alexandre Fernandes, dono do blog Cristão da Universal,  fez uma retratação dizendo que já estava cansado de falar sobre isso, mas sentiu necessidade de falar sobre a atitude do bispo. “E por que tanta gente se sentiu mal sobre isso? Eu posso dizer que em parte é culpa da igreja”, disse Alexandre. Ele explicou que as igrejas tradicionais surgiram na Europa, onde o alcoolismo imperava. O governo europeu criou centros de recuperação para alcoólatras, mediante ao grave problema. Tendo este cenário, missionários vieram ao Brasil com a mente de que beber só causa problemas.
Para o obreiro, beber moderadamente não é pecado e nem uma regra bíblica, mas afirmou que não apoia e que se outros membros quiserem trabalhar com ele na IURD como obreiros, não poderão ingerir álcool, pois não aceita. Para ele a questão é que não faz parte do perfil do cristão brasileiro ingerir bebida alcoólica. Ele aconselha aos fiéis da Universal a não condenarem o bispo e ressalta que a imagem dele já está negativa por causa da afirmação. Segundo ele, alguns obreiros não gostaram da afirmação e por conta disso, muitas pessoas estão questionando-o acerca desse fato.
O fiel Eduardo pareceu não gostar da afirmação: “Acredito que a IURD possa começar a se dividir a partir deste ano, como algumas grandes igrejas já estão divididas por divergência de ideias. Sou da IURD a 13 anos e sei que muitos Bispos e Pastores são contra o aborto e contra o consumo de bebidas alcoólicas, aprendi com o Pr Alexandre Mendes que não deveria beber álcool para dar bom exemplo como Cristão, achei que este era o espírito da igreja. Se a moda pega, daqui um pouco vai subir Bispo no altar dizendo que fuma, mas a consciência dele está tranquila, que fuma só de vez em quando.”
Já a fiel da Universal Luciana Fernandes estranhou a afirmação: “Tenho 13 anos de IURD, vivi em uma época aonde tudo era pecado. Obreira foi para o banco, porque foi assistir filme no cinema no dia de Santa Ceia, a outra só porque dançou na festa da famíla foi julgada, obreira que andava de calça capri na minha época era vista com maus olhos”. Recentemente a denominação criada por Edir Macedo vem gerando polêmicas com suas atitudes. Atualmente a Igreja Universal possui um partido político (PRB), é a favor do aborto e agora se mostra a favor de bebidas alcoólicas, a igreja também apoia o PT que é a favor da legalização do casamento gay e da PLC 122. Todas essas novas permissões surgiram através de afirmações do líder e fundador da denominação, o Bispo Edir Macedo.
A polêmica sobre o acontecimento diz respeito ao fato da Universal sempre ter se posicionado contra à ingestão de bebidas alcoólicas. A simples ingestão de cerveja com moderação já era visto como algo negativo e que poderia abrir caminho para coisas piores, o chamado “legalismo”. Em vários programas exibidos pela denominação o alcoolismo sempre foi visto com um grande problema e, segundo a própria IURD, ligado a demônio chamado “Zé Pilintra” que é constantemente expulso do corpo de fiéis que frequentam a famosa Sessão do Descarrego nos templos da denominação.
Embora a afirmação seja recente, a anos Edir Macedo já havia assumido a bebida como algo do dia a dia. Em sua biografia o Bispo afirma beber cálices de vinho algumas vezes ao dia. Em 2009 o Bispo aceitou R$2,6 milhões para a Record realizar uma cobertura especial do carnaval carioca diretamente do camarote de uma famosa marca de cerveja. Na ocasião a jornalista Maria Cândido da Record vestia uma camiseta da cerveja e entrevistava os famosos que estavam no camarote perguntando “por que o camarote da Brahma é o número 1?”
O bispo afirmou não sentir a consciência pesada em relação à afirmação e continuou a falar em seu blog sobre o tema religião e fé. Segundo escreveu Alexandre no blog Cristão da Universal é possível que a revista Veja faça menção às palavras de Edir Macedo.
Procurado pelo Gospel+ muitos fiéis, pastores e obreiros não quiseram ou não puderam falar para a reportagem sobre a afirmação do Bispo durante o culto. A grande maioria dos blogueiros que sempre comentavam as pregações de Edir Macedo ignoraram a afirmação ou apagaram seus textos sobre o assunto. Em blogs e comunidades que sempre acompanham e gravam as pregações do líder da Universal, os arquivos de áudio estão sendo apagados sumariamente. Não se sabe se é uma ordem vinda da Igreja Universal. A pregação original foi disponibilizada pela própria IURD no site oficial da denominação, mas também foi apagada após o surgimento da polêmica.

Nenhum comentário:

Postar um comentário